Equipamentos Avançados em Holter e MAPA

Simpósio Virtual Internacional sobre Terapia de Ressincronização Cardíaca

 
Chegamos ao final do simpósio, com palestras, casos clínicos e Webcasts de nível técnico excelente. Também recebemos muitas questões de variados locais ao redor do mundo, e respondidos por colegas convidados muito experientes.

Este tipo de contato vivido, fluido sobre tópicos específicos - os mais importantes se referindo a pacientes na vida real, que é o foco de tudo que fazemos - permite troca de idéias sobre casos individuais entre investigadores e especialistas, algo muito difícil de ser feito em muitos congressos.

Como sempre, a ISHNE se sente honrada de organizar este evento único e distinto, através do qual contribuímos para a educação medica continuada e a longa distancia ao redor do mundo.

Gostariamos de agradecer Dr. Arthur Moss, William Abraham, Panos Vardas e John Cleland, Coordenadores honorários deste simpósio, e Dr. Andres Perez Riera,também  participante na coordenação, e a todos os palestrantes que forneceram conteúdo,  a todos os colegas que fizeram perguntas e respostas de alto nível, e a todos os participantes, que com seus casos clínicos, dúvidas e questionamentos - o fundamento deste simpósio - geraram respostas de especialistas.

Também gostaríamos de agradecer à nossa “equipe anônima”, aqueles por trás das telas, por que sem eles isto teria sido impossível de cumprir: nossos coordenadores técnicos, experts em rede, programadores, tradutores, secretarias e equipe de manutenção. A todos eles, muito obrigado.

Finalmente, queremos agradecer a Medtronik e Medtronicconect, e em especial ao gerente da America Latina, Hugo Fagioli, por nos fornecer suporte educacional irrestrito.

A todos vocês, MUITO OBRIGADO, e compartilhamos a espera para o nosso próximo simpósio virtual em HAS e Fibrilação Atrial III, que virá em breve. E se você estiver planejando ir à Orlando na próxima semana, junte-se a nós no nosso próximo simpósio (presencial) "Identificação e tratamento de pacientes de alto risco pós-IAM" que será realizado no Orange County Convention Center, sala W312, Seções A/B/C no Sábado, 29 de março de 2009, da 13:30hs às 16 hs

Jon, Angelo, Sergio and Ed
 
 
 
 

 

Palestras

 


O Papel das Extrações de Eletrodos na Prática Clínica
Suneet Mittal


Um Caso Cirúrgico de Terapia de Ressincronização Cardíaca
Sandhya Balaram


Colocação Robótica do Eletrodo Epicárdico em VE: Indicações e Técnicas
Dra. Sandhya K. Balaram, Ph.D. - Departamento de Cirurgia Cardiotorácica - Centro Hospitalar St. Lukes-Roosevelt / Professora Assistente de Cirurgia - Columbia University College of Physicians and Surgeons


Fibrilação Atrial em Portadores de Dispositivo de Terapia de Ressincronização Cardíaca
Dr. Luigi Padeletti, Universidade de Florencia, Itália


Casos de TRC com Falha Prévia, Implantados com Sucesso com Sistema de Aplicação de TRC Baseado em Suporte por Guia Telescópico
Seth Worley


Casos de TRC com Falha Prévia, Implantados com Sucesso com Sistema de Aplicação de TRC Baseado em Suporte por Guia Telescópico 2
Seth Worley


Ressincronização Cardíaca: Indicações Futuras
Jonathan Steinberg


Estudos Clínicos Randomizados em Terapia de Ressincronização Cardíaca
Angelo Auricchio


Avaliação da dissincronia: outras técnicas
Paul WX Foley MRCP, Francisco Leyva MD, FRCP


 

 

 

Casos Clínicos

 Caso 01

 Eu gostaria de perguntar sobre uma garota de 4 anos, com Cardiomiopatia Dilatada, sintomática (classe II-III NYHA) com depressão grave da FEVE, menor que 30%, sob tratamento com furosemida, espironolactona, captopril e carvedilol, síndrome de Wolff-Parkinson-White e arritmia sinual simples (provável disfunção do nó sinusal). É possível considerar o implante de um dispositivo elétrico para melhorar sua disfunção ventricular esquerda?

 Obrigado,

Dr Pedro de la Paz

Cardiologista Pediatra

Matanzas

 Cuba

Veja os comentários

Caso 02

Caros colegas do simpósio de TRC: Muito interessantes os debates, felicidades aos organizadores do fórum. Quero compartilhar com vocês o seguinte caso: Há 15 dias atendi mulher acima de 60 anos previamente hígida até cerca de três meses, quando começa a sentir palpitações sustentadas e fraqueza aos esforços leves. Ao exame, ritmo de galope, sem estertores crepitantes, FC: 110x minuto, PA: 120/80 mmHg e ao ECG pre-excitação ventricular (de possível localização anterior direita). Classe funcional 3 de NYHA. Na anamnese sem antecedentes pessoais de angina, nem dispneia súbita pensando em cardiopatia isquêmica, tampouco crises de palpitações de início e término súbito ou outras que nos façam pensar em TPSV por via acessória. No ECO transtorácico: Diâmetro diastólico de VE 68mm, insuficiência mitral moderada, FEVE <35%.

 Considero que não se pode descartar isquemia, nem taquimiocardiopatia secundaria a taquicardia ortodrômica como causa do quadro clínico. Independentemente da causa a hemodinamica da paciente se beneficiaria muito com controle farmacológico da FC: mas a digoxina, amiodarona, bloqueadores de canais de cálcio (verapamil) e betabloqueadores estão se a suspeita é taquicardia por reentrada atrioventricular. Segundo alguns autores os betabloqueadores além de diminuir a Velocidade de condução do NAV, pode diminuir também a velocidade de condução da via, por tanto talvez possam fazer menos mal dentre as opções medicamentosas, e também me embaso em estudos que demonstram beneficio de beta bloqueio na sobrevivência de pacientes com IC e FEVE severamente deprimida. Por outra lado os anti-arrítmicos classe para IC também estão proscritos pela má função ventricular A paciente nestes momentos se encontra em avaliaçãoo. Em um caso atípico. Que me aconselham?

Cordialmente

Alberto Morales Salinas.

Cuba Cardiologista

 cardioams@yahoo.es

Veja os comentários

 

Caros colegas e amigos,

 Com esta mensagem nós abrimos o período de discussão do Simpósio. Este fórum será o canal no qual você poderá visualizar todos os tipos de perguntas, opiniões, respostas, contra-respostas,etc. Esperamos que esta etapa do evento seja enriquecedora para todos nós.

Fórum de Discussões

 

Insuficiência Cardíaca


MADIT


Bloqueio de Ramo Direito e TRC (Doença de Chagas)


Dispersão das mudanças na Repolarização Ventricular


Reserva beta-adrenérgica


Aplicação de TRC em pacientes com FA


TRC e Hipertensão Pulmonar


Indicações e Critérios para Seleção de Pacientes


Não respondedores


Valor preditivo do eixo elétrico


Av. Paulista, 509 - 1º andar - CEP 01311-910 - Paraiso - São Paulo / SP - Tel: 3883-3030

Web |